1 comentário para “Evangelho de hoje (20/02/2013) Lucas 11, 29-32”

  1. Edivan Rodrigues da silva

    fev 20th, 2013

    Ó Senhor, não desprezeis um coração arrependido! Sl 50 (51)

    Com efeito, assim como Jonas foi um sinal para os ninivitas, assim também será o Filho do homem para esta geração.

    Mesmo estando com Jesus a todo momento, há momento particularmente que se faz necessário a conversão.

    Caríssimos e amados irmãos e irmãs um bom dia com entusiasmo cheio da graça de Deus e que sejamos perseverantes na nossa caminhada quaresmal, que o Espírito da verdade esteja sempre conosco e assim perseverar naquele que nos dá vida eterna.

    Sempre é momento de levantar e pôr-se a caminho do anúncio e da vivência da vontade de Deus. Mais importante que Jonas e Salomão, Jesus mostra que a adesão à sua palavra é o sinal da verdadeira conversão. (Liturgia diária.)

    No evangelho de hoje Jesus chama a geração de má que busca sinais para que eles possam crer e Jesus os alerta não será mais dado nenhum sinal a não ser o sinal de Jonas que foi o de Nínive. E diz: aqui está que é maior que Salomão.

    A fé não pede sinal, mais mesmo assim os doutores da Lei, os intelectuais daquele tempo, em socorro dos fariseus, os “perfeitos) como eram conhecidos, pedem a Jesus um sinal de que ele é o enviado de Deus. Eles caminhavam sempre com Jesus e não exergava e nem entendiam nada, são grandes conhecedores da Bíblia, mas são cegos e não percebem que Jesus está presente o Deus da Bíblia, libertando, salvando, dando vida para todos que nele crê.

    Jesus é o Deus conosco aquele que põe em ação o projeto de Deus. E nós de vez em quando na nossa vida pedimos um sinal a Jesus, exigimos através de promessas e queremos que tudo o que eu quero seja dado por Deus. Não somos diferente do povo antigo erdamos esse vicio de querer o que muitas vezes não sabemos o que é, mais queremos. Então caríssimos irmãos e irmãs ainda há tempo de pedão, reconciliação e imititarmos o povo de Nínives e nos achegar a Deus, pois só ele tem palavras de vida e salvação. Este é o tempo propricío vivemos o ano da Fé e o tempo quaresmal.

    Os evangelho foram escritos por homens que estiveram entre os primeiros a ter fé e que queriam compartilhá-la com outros. Depois de terem conhecido na fé que é Jesus, puderam ver e fazer ver os traços de seu mistério em toda a sua vida terrestre. Desde os paninhos da sua natividade até o vinagre da sua Paixão e o sudário da sua Ressurreição, tudo na vida de Jesus é sinal do seu Mistério. (CIC § 515) Não esqueçamos que vivemos o ano da Fé.

    Santíssima virgem Maria interceda por todos nós. Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo, para sempre seja louvado.


Deixe seu comentário