1 comentário para “Evangelho de hoje (20/08/2013) Mateus 19, 23-30”

  1. Edivan Rodrigues da silva

    ago 20th, 2013

    Jesus Cristo, Senhor nosso embora sendo rico, para nós se tornou pobre, a fim de enriquecer-nos mediante sua pobreza. ((2Cor 8,9)

    E todo aquele que tiver deixado casas, irmãos, irmãs, pai, mãe, filhos, campos, por causa do meu nome, receberá cem vezes mais e terá como herança a vida eterna. (Mt 19,29).

    Se formos fieis a Deus com certeza ele nos confiará seus ensinamentos e nos dará sabedoria e discernimento, depende do nosso desprendimento e desapego.

    Caríssimos e amados irmãos e irmãs em Cristo um bom dia eu Deus nos conceda sua graça e coragem para desprendermos daquilo que nos faz ídolos e que possamos colocar em primeiro plano as coisas de Deus. Saber caminhar na estada de Jesus só depende de nós.

    A Igreja hoje celebra São Bernardo Abade e Doutor. Bernardo (França, 1090-1153), aos 19 anos, ingressou na Ordem de Cister, recém-fundada, e tornou-se como que seu segundo fundador. Seus sermões são preciosos comentários à Bíblia e à liturgia. Foi homem de muito estudo e grande contemplativo. (Liturgia Diária).

    O Evangelho de hoje Jesus diz que é mais fácil um camelo passar pelo buraco da agulha…. O espanto dos discípulos leva Jesus a explicar: só a compreensão do projeto de Deus, que é a justiça que traz liberdade e vida para todos, pode levar alguém a escolher ser pobre com os pobres, com os quais o projeto de Deus triunfará, e todos poderão finalmente ser felizes. Vemos o exemplo dos discípulos: deixaram tudo para seguir a Jesus. Podemos perguntar o que vão ganhar? Por enquanto apenas a alegria de se entregar à causa da justiça. Mas quando o Reino chegar, eles sentarão no tribunal para julgar toda a injustiça, e então virá o Reino, onde todos terão abundantemente tudo o que necessitam.

    E nos dias de hoje nós assumimos a ficar do lado da justiça e seguir firmemente a proposta de Deus que é o santo Evangelho, ou não podemos porque somos submissos ao pecado? Temos que sermos consciente que para nós muitas coisas são impossíveis devido a nossa fraqueza, nossa incredulidade e muitos são os desafios no nosso dia a dia que a vida nos impõe, agora para Deus nada é impossível.

    O que devemos fazer é estar sempre do lado da justiça mesmo sabendo que muitas vezes sofremos mais só se faz justiça se tivermos Deus dentro do coração, pois ele é a própria justiça. Então como citamos no evangelho de ontem temos que largar de lado abandonando mesmo muitas coisas que nos levam ao pecado. Roguemos a Santíssima Virgem Maria para que possamos construir um mundo renovado e que todos os jovens busquem com fervor um sentido para a vida. Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo, para sempre seja louvado.

    Ano da fé – papa Bento XVI –

    Carta Encíclica Lúmen Fidei – § 36 – Papa Francisco
    Como luz que é a fé convida-nos a penetrar nela, a explorar sempre mais o horizonte que ilumina, para conhecer melhor o que amamos. Desse desejo nasce a teologia cristã; assim, é claro que a teologia é impossível sem a fé e pertence ao próprio movimento da fé, que procura a compreensão mais profunda da autorrevelação de Deus, culminada no Mistério de Cristo.


Deixe seu comentário